Arquivos

Garotinho não quer saber de feriadão

Enquanto muitos deputados federais do Rio juntaram os dois feriados nacionais com o feriado estadual e fizeram um” pacotão” de férias, o deputado Anthony Garotinho (PR) não quis saber de folga e já está em Brasília. “Eu sei que amanhã é feriado no Rio de Janeiro e por isso vários parlamentares fluminenses estão enforcando os feriados. Mas fui eleito é para trabalhar pela população. Assim, hoje estou em Brasília, e participei de mais uma reunião deliberativa da Comissão Externa para apurar a prática de suborno de Petrobras”, disse Garotinho, que prometeu para amanhã (23), às 15, na tribuna da Câmara Federal, um discurso de 25 minutos sobre um tema “muito importante”.

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

Mais lidas

Engana-se quem pensa que a população está apenas interessada em shows, festas e assistencialismo. Mesmo com várias matérias sobre o Carnaval fora de época, os internautas que navegam no site da Prefeitura de Campos estão de olho em oportunidades de trabalho e concursos públicos. No espaço onde constam as cinco notícias mais lidas, todas são sobre processos seletivos e concursos públicos. Confira:

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

E Campos?

 O governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) vai se encontrar com o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves (PT), e com o secretário de segurança pública, José Mariano Beltrame, nesta terça-feira (22), após pelo menos três pessoas morrerem na cidade em episódios de violência. O número de homicídios em Niterói, na Região Metropolitana do Rio, cresceu 57% no primeiro trimestre de 2014, em relação ao mesmo período do ano anterior, de acordo com o Instituto de Segurança Pública (Isp). O número de roubos também aumentou 22% na comparação entre estes dois períodos.

Após os protestos em Niterói, o governo do estado resolveu se movimentar. E a violência em Campos e região, ninguém está vendo? Será que a população vai ter que se acostumar ao clima de insegurança?

OAB quer amplo debate — Com o aumento da criminalidade em Campos e região, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Na cidade, Carlos Fernando Monteiro, o Guru, solicitou à Câmara de Campos que seja realizada, no próximo mês, uma audiência pública para discutir a situação parece estar fugindo ao controle. Uma matéria sobre o tema foi publicada no último domingo na Folha (aqui).

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

Falso padre celebra missa e ouve confissões

Falso padre celebrando uma missa em Laje do Muriaé (Foto: Reprodução/Facebook)

No último sábado (19), os fiéis da Paróquia Nossa Senhora da Piedade, em Laje do Muriaé, no Noroeste Fluminense, foram surpreendidos com a notícia de que o padre que visitava a cidade há uma semana era um falso sacerdote e que já havia aplicado golpes em dioceses no estado de São Paulo. Foi através do Facebook que o falso padre foi desmascarado. O atual pároco, Ramyro Armond, cuida pessoalmente da página que promove horário de missas, confissões e eventos, a fim de atrair os católicos e prestar serviço à comunidade. Durante os ritos da Páscoa, algumas fotos com a participação do falso padre, chamado de Ricardo, foram postadas na rede social. Paróquias de São Paulo que seguiam a página e que teriam sofrido com os golpes do falso padre reconheceram o farsante através das fotografias e alertaram a diocese de Campos, responsável pela Paróquia Nossa Senhora da Piedade.

“Padre Ricardo” também possuía uma conta na rede social e foi através dela que ele chegou até a página da Paróquia Nossa Senhora da Piedade. Na conta pessoal dele, que foi desativada, haviam fotos de celebração de missas e concelebração na companhia de Bispos e Arcebispos de São Paulo, de acordo com informações do padre Ramyro. Ricardo dizia ter nascido em Curitiba e que estaria de folga no período da Páscoa, podendo assim, viajar e conhecer Laje do Muriaé. A ajuda em uma das épocas em que a igreja mais trabalha foi aceita pelo pároco.

Logo após saber da mentira, os padres do Noroeste denunciaram o farsante acionando a polícia. Ele foi detido e encaminhado para a 138ª Delegacia de Polícia em Laje do Muriaé. De acordo com a inspetora responsável pelo caso, o falso padre apresentou identidade como membro do clero, foi ouvido e liberado. O delegado responsável, Henrique Lobato, entendeu que não houve crime, tendo em vista que o falso padre não aferiu vantagem com o cargo que lhe foi confiado. Com o nome apresentado na identidade, a polícia não encontrou registro de passagem por crimes.

De acordo com a Diocese, uma circular será encaminhada para todos os bispos do Brasil, com um relatório contendo fotos e características do falso padre Ricardo. Eles esperam que, desta forma, outras pequenas paróquias e fieis não sejam enganados. No tempo em que esteve em Laje do Muriaé, o falso padre chegou a ouvir confissões.

Fonte: G1

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

João Vicente: “Patrícia Cordeiro tem muito a temer”

Foto – Blog do Avelino Ferreira

Muitos aliados do governo Rosinha afirmam que as críticas ao setor Cultural partem da oposição e de supostos defensores dos governos passados. Mas o que dizer sobre o desabafo de quem admira a prefeita e o seu marido? O professor João Vicente Alvarenga, que durante todo o ano de 2013 respondeu pela superintendência da Fundação Trianon e tem uma longa história de amizade com o casal Garotinho, fez um desabafo revelador nesta segunda-feira( (21). Sem meias palavras ele diz que o dinheiro da cultura “está sendo usado para fins públicos e também privados,  como por exemplo, a montagem de um mega estúdio de gravação que custou altíssimas somas e que deverá ser usado pela oligarquia dominante da democracia goytacá, nas próximas eleições”. Confira o desabafo completo:

“A cultura em Campos nunca foi tão rica. Mas inverteram a ordem do preceito que prega a supremacia do interesse público sobre o privado. A gestora pública na área da cultura, apoiada pelo executivo municipal, tem invertido despudoradamente aquela lógica, ou seja, se pratica a supremacia do interesse privado sobre o público. Se quem não deve não teme, Patricia Cordeiro tem muito a temer, a começar porque se esconde da mídia para simples prestações de conta de sua gestão e esclarecimentos ao eleitor sobre como o dinheiro da cultura está sendo usado. Está sendo usado para fins públicos e também privados, como por exemplo, a montagem de um mega estúdio de gravação que custou altíssimas somas e que deverá ser usado pela oligarquia dominante da democracia goytacá, nas próximas eleições. Como justificar, por exemplo, que alguns shows teriam que ser contratados pela extinta Fundação Municipal Trianon e não, como seria o mais adequado, serem contratados pela FCJOL, entre janeiro e maio de 2013? É um formato irregular que caberá à justiça dizer se se trata de um ato ilícito, que é o que tudo indica, uma vez que esses shows/bandas eram de propriedade ou administradas por pessoa muito próxima à Sra. Patricia Cordeiro.”

A opinião de João Vicente Alvarenga foi publicada no blog da Luciana Portinho (aqui).

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

Na terra dos shows milionários, Orquestra passa por dificuldades

Em 2012, após uma ONG do Espírito Santo quase levar R$ 2 milhões para montar uma Orquestra Sinfônica Municipal, blogueiros, jornalistas, artistas e políticos travaram uma luta pela valorização dos músicos locais. Na ocasião, o manifesto ganhou corpo e a prefeita Rosinha Garotinho (PR) optou por uma parceria com a ONG Orquestrando a Vida, que conta com músicos da terra goitacá. “Sempre foi nosso desejo investir em artistas locais e fico feliz porque, agora, está sendo possível com a formação da Orquestra Sinfônica de Campos”, disse Rosinha em junho de 2012 (aqui).

Porém, o mesmo governo que investiu milhões em shows no “Verão da Gastança” e vai gastar mais um pouco com o Carnaval fora de época, parece ter se esquecido da sua Orquestra. Sem um novo contrato desde o início deste ano, vários músicos estariam abandonando o sonho.

Será que a Fundação Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) se lembrou de Luan Santana e Thiaguinho e se esqueceu da Orquestra Municipal?

Atualização às 20h15 — Músico dispara contra ONG — Em mensagem enviada ao blog, um músico que preferiu não se identificar isentou a Prefeitura e disparou contra a ONG responsável pela Orquestra. Confira:

“Prezado Bastos, vou preservar minha identidade por motivos óbvios pelo que relatarei a seguir, e só faço isso pois poderíamos de fato ter uma orquestra decente e profissional em Campos mas o monópolio que se instalou em Campos pela ONG é uma vergonha. Acho realmente que o sr. Jony William é( …) Fui musico da orquestra, recebia 600 reais em média enquanto (…..) Pelo que sei o contrato não pode ser renovado pois mais uma vez a ONG não consegue fazer a prestação de contas, por que será. Toda vez era a mesma desculpa, mas porque será que perdeu o patrocínio do Estado? Porque que perdeu o apoio da Eletrobrás? e da OGX? Será que o problema está mesmo nos governos que não o ajudam, ou porque JW nunca consegue prestar contas? Peça a ele para abrir a contabilidade da ONG e veja quanto nós músicos ganhamos e quanto ganham (…) ? A revolta que hoje toma conta de nós músicos e seus pais e justamente o fato de para os músicos nada ou muito pouco, mas para ONG TUDO ou quase TUDO”.

Atualização às 23h40 — Em nova mensagem enviada ao blog, o músico fez algumas ponderações e indagações: “Prezado Bastos, só quero que fique claro que não estou isentando a prefeitura, só quero que fique claro que realmente o contrato não será renovado em forma de convênio com a prefeitura pois JW não conseguiu prestar contas. Quanto ao comentários, sim existem problemas no município, porém não devemos passar panos quentes sobre as contas da ONG, entendo seu posicionamento de não querer revelar os nomes que coloquei no primeiro comentário, mas como musico estou revoltado, pois JW nos obrigar a dar aulas para os demais alunos do projeto, tocar nas orquestras Municipal, que a mesma, só muda o uniforme para da Mariuccia Iacovino, de acordo com a conveniência de JW e quer nos pagar R$ 656,00. Só lembrando que o contrato com a prefeitura para a orquestra Municipal é mais de 2 milhões, peça a ela ou a prefeitura para prestar conta de como este valor foi gasto durante um ano? Se a prefeitura tem algum problema não quero saber neste momento, só não quero mais ver JW posar de pobre coitado, porém ninguém fala da exploração de nós músicos. Isto me deixa indignado. Quem rala somos nós… Talvez se a empresa do Espírito Santo tivesse vindo, quem sabe de fato nós músicos não teríamos sido valorizados?”. 

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

Prefeitura recebe quase meio milhão para incentivar produção de leite

Do blog “Eu Penso que…”/Ricardo André Vasconcelos (aqui):

 A Prefeitura de Campos recebeu, no último dia 11/04, R$ 487.500,00 do Ministério da Agricultura para “aquisição de equipamentos para estruturação e implantação do Projeto Mais Leite nas 7 Áreas de Desenvolvimento Rural – ADRs no município”. A informação consta no Portal da Transparência do Governo Federal e pode (e deve) ser acessada por qualquer cidadão. E quem se der ao simples trabalho de se cadastrar (aqui) no portal, recebe as informações por e-mail. Confira abaixo:
Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

Arnaldo vai apoiar candidato de partido dividido entre Garotinho e Pezão

Foto – Blog Na Curva do Rio/Divulgação

Em seu blog “Na Curva do Rio” (aqui), a jornalista Suzy Monteiro informou que Waldemar Soares (PTB), pré-candidato a deputado estadual, fechou uma parceria com o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT). Waldemar é ligado ao ramo de caminhões e vem mostrando ter uma “carga pesada” para encarar os adversários.

Mesmo sem constar na lista dos candidatos apoiados pelo grupo rosáceo, Waldemar da Cobranorte teve sua pré-candidatura lançada em evento com a presença do presidente da Câmara de Campos, Edson Batista, seu companheiro de partido (aqui).

Com Garotinho e Pezão — Para quem não se lembra, o PTB é aquele partido que, em 2012, flertou com a oposição e quase deixou Edson Batista e Neném sem legenda para disputar a eleição (aqui). A mudança chegou a ser dada como certa. Porém, depois uma “boa conversa”, a legenda continuou com Garotinho e Rosinha em Campos. Na ocasião, o então presidente da Câmara de Campos, Nelson Nahim, comentou sobre o episódio (aqui). “O deputado (Marcus Vinícius – presidente estadual do PTB) é que estava insatisfeito. Ele me pediu para ir até a Alerj. Ele se disse traído com Garotinho e afirmou que o partido estava sendo usado em Campos. Tenho como testemunhas vários deputados estaduais. Que papelão que esse deputado faz”, lamentou Nahim. Dias depois o PTB continuou no estilo “Dona Flor e seus dois maridos”. Em Campos ficou com Rosinha e no Rio com Pezão.

Será que agora a legenda vai escolher um lado?

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

Eike Batista sem medo da Polícia Federal

O empresário Eike Batista não está preocupado com a investigação anunciada na última quinta-feira pela Polícia Federal (PF) do Rio de Janeiro, para apurar crimes financeiros que ele teria cometido envolvendo a venda de ações da petroleira OGPar (ex-OGX), da qual é controlador. Em entrevista ao jornal americano “Wall Street Journal”, Eike disse que será “excelente que tudo seja esclarecido”. Foi a primeira entrevista concedida a um veículo de imprensa desde que a petroleira entrou em recuperação judicial, em novembro de 2013. Desde que seu império começou a cair, o empresário tem evitado a mídia nacional. “É excelente que tudo seja esclarecido. Estou muito calmo. Deixemos que eles investiguem”, disse Eike em entrevista por telefone.

Eike disse que a PF não entrou em contato com ele e negou ter feito qualquer coisa de errado. Ele admitiu ter vendido ações da ex-OGX no passado, mas salientou que sempre informou o mercado sobre essas transações. “Todas as vendas foram declaradas. Tudo relacionado a minhas companhias de capital aberto sempre foi informado ao mercado”, afirmou Eike.

Os três crimes investigados pela PF são manipulação de mercado, insider trading (uso de informação privilegiada) e lavagem de dinheiro. Somados, eles podem resultar em pena de até 23 anos de prisão. Na nota distribuída à imprensa semana passada, no entanto, a PF não cita o nome do empresário. Diz apenas que a investigação terá como alvo o “acionista controlador de uma empresa que atuou na área de petróleo”.

Fonte: O Globo 

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites

STF: Lindbergh Farias investigado por peculato

Um despacho de Gilmar Mendes no início do mês dá novos e delicados rumos a uma investigação no STF contra o senador Lindbergh Farias (PT) e os seus gastos na área de comunicação, enquanto prefeito de Nova Iguaçu (RJ), entre 2005 e 2010. O inquérito, arquivado por prescrição do crime contra a administração pública, agora tratará de peculato – ou seja, desvio de recursos públicos. Lindbergh é investigado pela contratação da empresa Supernova Mídia — responsável por sua campanha em 2004 e pela publicidade da prefeitura a partir do ano seguinte.

O inquérito já encontrou irregularidades na concorrência. Agora, Gilmar Mendes quer descobrir se o contrato foi feito para pagar uma dívida de 250.000 reais do PT pela campanha eleitoral.

Fonte: Lauro Jardim/Veja

Compartilhe
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites
Copyright © 2010 - Folha da Manhã - Todos os direitos reservados